Informações gerais

Portal feminino Fleuro

Pin
Send
Share
Send
Send


Kalanchoe é uma das plantas de interior mais populares, porque esta cultura distingue-se não só pela sua alta decoração, mas também pelo seu cuidado despretensioso. Além disso, o suco de folhas frescas é amplamente utilizado na medicina tradicional para o tratamento de várias doenças. No entanto, há casos em que a cultura está crescendo ativamente e aumentando a massa verde, e a floração está completamente ausente. Nesse caso, você precisa entender as causas desse fenômeno e, se possível, eliminar os fatores que podem provocá-lo.

Neste artigo, vamos olhar para as principais razões que podem levar à falta de floração em Kalanchoe, e dar exemplos de como você pode fazer uma planta florescer mais rápido.

Por que não floresce Kalanchoe - razões

De acordo com a classificação botânica, Kalanchoe pertence a plantas suculentas tropicais, isto é, plantas que são encontradas em climas quentes e normalmente toleram seca e solo pobre. Esses fatores indicam a despretensão da cultura, mas a falta de floração pode indicar que você está cuidando indevidamente da planta.

Considere os principais fatores que podem interromper o florescimento, com mais detalhes, para que você possa eliminar independentemente as conseqüências de cuidados inadequados e fazer com que os Kalanchoe floresçam.

Fertilizante de superalimentação

Todos os produtores de flores sabem que o envasamento é vital para as plantas de interior, porque o solo na panela rapidamente perde nutrientes. Existem culturas que precisam ser fertilizadas semanalmente ou várias vezes por mês. Kalanchoe refere-se a plantas completamente diferentes, uma vez que o excesso de alimentação pode suspender o início de sua floração.

Deve-se ter em mente que a fertilização freqüente só contribuirá para o aumento da massa verde, e os botões florais não serão formados. Portanto, se seu objetivo é fazer a cultura florescer, ela deve ser alimentada não mais que uma vez por mês, e somente metade da taxa de fertilizante especificada nas instruções deve ser usada.

Solo de cultivo inadequado

Como Kalanchoe pertence a suculentas, é melhor plantá-lo no solo com uma reação neutra ou ligeiramente ácida (Figura 1).

Nota: É muito difícil preparar um substrato adequado com as próprias mãos, por isso é melhor comprar imediatamente solo pronto de lojas de flores especializadas. Figura 1. Aparência e composição do solo para cultura

Se você não tem a oportunidade de comprar um terreno especial para cactos, você pode tentar prepará-lo sozinho. O melhor é uma mistura de 4 partes de terra, 2 partes de solo decíduo e 1 parte de turfa e areia. Todos esses componentes precisam ser misturados completamente, adicionar um pouco de fertilizante para as plantas suculentas e plantar uma flor.

Humidade do ar insuficiente

A planta é muito sensível à umidade da planta. No entanto, ao contrário de outras espécies tropicais, esta cultura não tolera ar seco, mas também úmido, portanto, a pulverização adicional de folhas é muitas vezes desnecessária.

Em geral, a pulverização é necessária apenas no verão, em clima muito quente. Mas mesmo neste caso, deve-se tomar cuidado para não molhar demais a flor, pois ela pode adoecer ou até mesmo morrer.

Falta de iluminação

O modo de luz errado também é muitas vezes a razão para a falta de floração, por isso o local para a flor deve ser escolhido com cuidado. Por exemplo, se você colocar uma flor na janela norte, ela não terá luz natural suficiente para florescer e, na janela sul, a cultura pode causar queimaduras nas folhas (Figura 2).

Figura 2. Escolhendo a iluminação ideal para uma flor

Para conseguir a floração, você precisa criar iluminação ideal para Kalanchoe. É melhor colocar no peitoril da janela leste ou oeste. Quando colocado no peitoril da janela do sul, a cultura terá que ser sombreada e no norte - para incluir iluminação artificial adicional.

Substrato selecionado incorretamente

O principal requisito para o substrato - leveza e friabilidade. Em outras palavras, deve conter uma quantidade suficiente de areia para que a quantidade necessária de ar e umidade seja fornecida às raízes.

Em um solo muito denso e fértil, a cultura não apenas não florescerá, mas também pode morrer, já que a umidade irá estagnar nas raízes e elas começarão a apodrecer.

Umidade excessiva

Regando a flor, deve-se ter em mente que na natureza esta planta é encontrada em regiões desérticas e semidesérticas. Consequentemente, a cultura se acostumou à seca e reage negativamente ao excesso de umidade (Figura 3).

Figura 3. Rega adequada de Kalanchoe

Na primavera e no verão, o suficiente para regar a plantação até duas vezes por semana, e no outono e no inverno, quando a planta está em repouso, a rega pode ser reduzida para uma vez por semana. É importante lembrar que uma forte seca também afeta negativamente a planta: por falta de umidade, ela pode deixar suas folhas.

A temperatura ambiente não corresponde

A temperatura ideal é outra condição importante que afeta a intensidade da floração. É importante considerar que os botões são formados apenas a uma temperatura relativamente baixa: + 16 + 18 graus.

Acontece frequentemente que, mesmo no inverno, a temperatura na sala se eleva acima desses valores. Em tais condições, a floração não ocorrerá, mesmo se as outras regras de cuidado forem estritamente seguidas. Portanto, se você deseja alcançar a floração, você precisa arejar a sala com mais frequência no inverno ou apenas mover a flor para uma sala mais fresca.

Como fazer flor de Kalanchoe

Dos fatores acima, podemos concluir que eles influenciam a frequência e a duração da floração. Mas há outros pontos que devem ser levados em conta.

Para fazer florescer Kalanchoe, faça o seguinte:

  1. Realize a formação regular do mato.
  2. Remova todos os velhos talos de flores para que a planta gere sua força na formação de novos botões, e não na nutrição dos antigos.
  3. Após o período de floração, é imperativo podar, removendo todos os brotos velhos ou danificados.

Além disso, em casa a cultura deve ser regularmente marcada. Para fazer isso, você deve esperar até que os novos rebentos estejam completamente formados, após o que eles podem ser ligeiramente encurtados ou privados das folhas superiores. Você também precisa assegurar que a planta não se torne uma vítima de pragas ou doenças, e nos primeiros sinais da patologia é necessário executar a pulverização com preparações especiais.

Muitas vezes acontece que o transplante é necessário para estimular a floração. Isso acontece se as raízes estiverem bem entrelaçadas na sala de terra e começarem a se projetar da panela. Em tais condições, a planta simplesmente não é fisicamente capaz de obter umidade e nutrientes suficientes.

Figura 4. Os principais estágios do transplante

Se você precisar transplantar, escolha um pote maior que o anterior e coloque a flor dentro dele. Não se esqueça de que no fundo do tanque é necessário colocar uma camada de drenagem, e somente solo especial para suculentas deve ser usado (Figura 4).

Como cuidar de Kalanchoe depois da floração

O cuidado adequado com Kalanchoe após a floração é a chave para a formação bem sucedida de gemas no futuro. Para fazer isso, remova todos os velhos talos de flores, para que a planta não gaste energia em seus alimentos.

Além disso, após o término do período de floração, a cultura deve ser aparada, removendo todos os brotos em excesso. Isso não apenas fortalecerá a planta, mas também permitirá que os brotos jovens cresçam (Figura 5). Durante este período, você precisa observar cuidadosamente a flor: para que a planta tenha a forma correta, você deve remover periodicamente ou beliscar o crescimento jovem.

Figura 5. Cuidados com a planta após a floração

Outra etapa importante do cuidado após a floração é reduzir a rega. A umidade deve ser aplicada ao solo apenas depois que a camada superior do solo secar, pois a água estagnada nas raízes causará rapidamente o apodrecimento das raízes e a destruição da cultura.

Kalanchoe não floresce e é elaborado, o que fazer

Acontece também que o Kalanchoe começa a se esticar fortemente para cima, formando um arbusto bastante alto e exuberante, mas não floresce. Esse processo pode ser desencadeado por vários fatores de uma só vez. Primeiro, o alongamento da parte aérea ocorre com pouca luz. Neste caso, a planta gasta todas as forças na formação de brotos jovens, e não na formação de brotos.

Em segundo lugar, isso acontece quando há um excedente de fertilizantes minerais que estimulam a formação de massa verde, mas não permitem a formação de gemas. Para lidar com o problema, você precisa revisar o cronograma para fazer alimentações e fornecer à planta um modo ideal de iluminação e temperatura.

O vídeo diz quais fatores podem causar a falta de floração em Kalanchoe e como lidar com eles corretamente.

Assista ao vídeo: "In The End" Linkin Park Cinematic Cover feat. Jung Youth & Fleurie. Produced by Tommee Profitt (Setembro 2020).

Загрузка...

Pin
Send
Share
Send
Send